Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sofia Margarida

Vem descobrir. Vem partilhar. Vem conhecer um mundo que é só meu...

Não sei ...

se me preocupo, se experimento, se ignoro...

 

Está uma pessoa sentada na esplanada, a aproveitar uma noite fresca de verão, quando é contemplada com um ruído de fundo...

 

- Olha lá, a que horas é que combinaste com a "Maria" ir apanhar Pokemóns??

 

 

 A sério???  Agora não se sai à noite... Vai-se apanhar Pokemóns é isso?  Começo a olhar para o lado e vejo imensas pessoas a andar de telemóvel na mão... Ou é coincidência ou anda tudo à caça...

 

 

Mas ainda há piores ( se é que é possível), contou-me um amigo que trabalha num café que um grupo de miúdos durante esta semana saiu a correr para a rua, deixando tudo na mesa,  porque ao que parece: 

 

- " Apareceu a 50m um Pokemón super raro e tivemos de correr todos para o apanhar"

 

Não compreendo, juro que tento mas não compreendo...

 

Tal mãe , tal filha...

Eu e a minha mãe temos peças de roupa iguais, não muitas mas temos. Como não vivemos juntas, não trabalhamos juntas, não tinha qualquer problema. Até que ontem, combinamos encontrar-nos ao final da tarde e ...

 

Mal nos vimos começamos as duas a rir , as duas vestidas de igual! Com tanta roupa para vestir, conseguimos escolher as duas a mesma ... Foi tão engraçado andarmos as duas de iguais! Acho que ficou tudo a olhar para nós, a achar-nos demasiado velhas para ainda andarmos vestidas de igual, mas eu gostei... 

 

Ainda sou menina da mamã !

 

Cor-de-rosa...

Era mundo cor-de-rosa. Um mundo que era só meu. Aquele que eu imaginei. Vivi. Nem quando cresci deixei de o ver cor-de-rosa, um mundo meu.  Mas, houve quem ousou em tingir o meu mundo de cores escuras. Destruir aquele manto rosa....

3b43f42fedf3f9e1c0f04a763243da49.jpg

Quando chega a altura de sairmos de casa, há um pouco de nós, da nossa infância que por lá fica. Quando por pequenos instante se volta, é como entrar num castelo encantado onde outrora fui princesa. Hoje, ao regressar, o meu castelo está diferente, frio, sombrio... e eu, sem vontade de lá voltar. Um castelo cheio de confusão, tristeza , ... 

 

E pronto, hoje precisava desabafar.... divagar!

 

 

Era uma vez um cão...

cãozinho.jpg

 "Olhe no fundo dos olhos de um animal e, por um momento, troque de lugar com ele. A vida dele se tornará tão preciosa quanto a sua e você se tornará tão vulnerável quanto ele. Agora sorria, se você acredita que todos os animais merecem nosso respeito e nossa proteção, pois em determinado ponto eles são nós e nós somos eles."

 

Há coisas que não entendo, nem compreendo... Porque não tem tanto valor esta vida (de um animal) como a nossa!? Continuamos a ser um ser ditador, sem limites e sem conhecimento da liberdade.

 

"A nossa liberdade termina onde começa a dos outros"!

Continuamos a achar que somos a espécie superior... 

Eu sei...

 

Por mais longe que o nosso objectivo esteja é sempre possível chegar lá.

Por mais difícil que seja o caminho, vai ser sempre possível chegar à meta.

Se eu cair, sei que terei uma mão para me segurar.

Quando eu chegar à meta sei que vai haver alguém para festejar comigo.

 

Porque eu sei que a minha vida vai melhor…  

 

 

(imagem retirada do pinterest) 

 

 

 



Sofia Margarida nasci em Castelo Branco. Contabilista Certificada formada em Contabilidade e Gestão Financeira, mas toda a vida apaixonada pelas artes, manuais principalmente.

            


facebook



Image and video hosting by TinyPic

Instagram


Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic
Some blog design Written by Joana